3 dicas de captação de recursos para a sua organização social.

3 dicas de captação de recursos para a sua organização social.

Quando falamos de Organizações sociais, uma das estratégias primordiais para garantir a manutenção das atividades é um sistema bem definido para captação de recursos. 

Ter uma estrutura bem definida (modelo de negócio), um planejamento estratégico de captação de recursos, além de determinação e foco para seguir esse planejamento ajuda a otimizar a captação de recursos e diversificar sua carteira. 

O que é a sustentabilidade financeira?

É quando uma organização possui os recursos necessários para se sustentar. Mão-de-obra, materiais e dinheiro são exemplos de recursos.

Uma das formas mais eficientes de alcançar sustentabilidade econômica é a diversificação das fontes de receita, justamente para trazer a segurança de que em períodos de baixa econômica, ou até mesmo se uma das fontes sofrer um corte, a organização terá recursos suficientes para manter suas atividades de impacto socioambiental.

Para operacionalizar é ideal investir em profissionais capacitados para a função, que entendam do assunto. Assim, o planejamento será mais assertivo e a organização terá capacidade de pensar a longo prazo.

Benefícios de ter um sistema estruturado de mobilização de recursos:

  • Previsibilidade financeira
  • Sair da sensação de sufoco por falta de planejamento
  • Tranquilidade em relação a sustentabilidade da organização
  • Maior possibilidade para inovar e criar novos projetos 
  • A gestão passa a focar em assuntos mais estratégicos 

Como começar a captar recursos?

Saiba em detalhes seu projeto e os diferenciais

Ter um projeto bem planejado e que demonstre a transformação que o seu trabalho causa é essencial para conquistar apoiadores em potencial.

Mostre a sua paixão pela causa, exponha o que faz os seus olhos brilharem. 

Quais são os diferenciais do seu projeto? 

Vá a fundo e entenda o mercado para desenvolver algo criativo, com embasamento e que agregue valor para o interlocutor.

Você pode fazer uma série de pesquisas para saber quais são as organizações que já existem no mercado, o que elas fazem, quais são os principais meios de captação e como se estabeleceram com sustentabilidade. 

Se inspire e entenda no que estas organizações se diferem da sua.

Chame a equipe para discutir sobre o projeto, como ele pode melhorar, quais são os pontos fortes e fracos. 

Assim todos participam, agregam e você pode se surpreender com a visão individual da equipe e criar uma apresentação que chame a atenção do interlocutor mostrando inovações, diferenciais e o mais importante, paixão pelo projeto.

Veja também: Aula gratuita sobre tendências em captação de recursos

Saia da escassez e tenha uma mentalidade de abundância

Muitas vezes as organizações começam do nada e muito esforço é colocado para conquistar novos apoiadores. Muitos desafios surgem no caminho até que a organização alcance um caixa positivo. Nesse momento, é comum que haja receio de reinvestir os recursos que sobram.

Quando a organização passa a reinvestir os recursos obtidos para expansão da equipe, profissionalizar a área de marketing e captação, sai de um cenário estático e passa a ter olhar de inovação e evolução. 

A atenção à saúde financeira é muito importante, mas é fundamental tomar cuidado para que isso não impeça o crescimento da organização.

Concentre-se nas suas maiores conquistas, relembre esses momentos e reconheça os passos que te levaram até lá. 

Além disso planeje, monte uma estratégia pensando no que você já testou e deu certo, pesquise os cases de sucesso pertinentes para a sua organização e siga esse fluxo, com confiança fica mais fácil captar recursos.

Crie uma situação em que todos ganham, não adianta apenas captar recursos e beneficiar só o lado da sua organização. Para causar um impacto positivo é importante que todos tenham benefícios, isso inclui o doador, investidor do seu projeto. 

Quais são os benefícios para estas pessoas e empresas que estão abraçando a causa?

Estude os potenciais apoiadores do seu projeto

Antes de fazer a sua apresentação estude as empresas e organizações que irá conhecer e que possuem interesse no seu projeto.

Utilize da escuta ativa com real interesse em saber quais são as necessidades daquelas pessoas para entender como você pode agregar e até quais pontos da apresentação serão mais interessantes para o potencial doador.

Saiba quais são os critérios e princípios da empresa e até mesmo a disponibilidade de recursos. Use e abuse da internet para descobrir aspectos importantes como a história, o que faz, qual o tamanho, se é nacional ou não, como está em relação à concorrência etc. 

Sabendo os interesses do potencial doador, fica mais fácil entender o que o motiva e se faz sentido ingressar na sua causa. 

Conheça o setor, crie uma rede de relacionamento e conheça o universo no qual você atua. Isso inclui as principais organizações de iniciativas semelhantes às suas, os principais apoiadores, as fontes de recursos existentes. 

O conhecimento abre um leque de possibilidades. Se interesse pelas pessoas e não economize esforços para entender e se conectar profundamente com elas.

Quer saber como evoluir a sua área de captação de recursos? Faça o nosso diagnóstico gratuitamente, entenda qual é o estado atual da sua captação e receba insights detalhados de como melhorá-la:

Adicione um comentário

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.